Raquel Lyra é recebida em Jaboatão dos Guararapes como a futura governadora de Pernambuco


O centro de Jaboatão dos Guararapes parou, na tarde desta sexta-feira (23), para receber Raquel Lyra, saudada como futura governadora de Pernambuco pela população. A postulante, ao lado da candidata a vice, Priscila Krause, caminhou pelo comércio, conversou com as pessoas, conquistou votos e posou pra fotos.

Apresentando-se como o instrumento da verdadeira mudança que o estado tanto quer e precisa, Raquel falou da alegria de estar visitando e conhecendo de perto a realidade da população de Jaboatão, uma cidade, segundo os moradores, abandonada pelo poder público. "Que alegria receber toda essa energia de Jaboatão dos Guararapes. A gente pôde ver nos olhos dos jaboatonenses a vontade de ter mais qualidade de vida, com uma boa educação, saúde, oportunidade de emprego", disse.

Entre os problemas apresentados pelos moradores, estão a falta de segurança e os buracos, principalmente os das vias que dão acesso aos municípios vizinhos, como Recife e Moreno. "A nossa cidade já virou motivo de zombaria e está sendo chamada de Jaboracão, devido à quantidade de buracos. A violência também é grande, a gente vive tudo com medo. Moro na comunidade Moenda de Bronze, e, pra sair de casa, a partir de certa hora da noite, é pedir pra ser assaltado", relatou Maria Adelaide Gomes.

Ainda segundo Maria Adelaide, Jaboatão é uma cidade abandonada pelos governos Municipal e Estadual. "O último prefeito daqui mesmo nunca fez nada por a gente e agora quer ser governador. Como? Não conseguiu nem administrar a cidade quanto mais um estado todo. Parece até piada de mal gosto", completou.

Raquel reforçou que vai combater a violência no estado com o Juntos pela Segurança, versão estadual, programa que implantou em Caruaru, quando foi prefeita, e que reduziu os homicídios em 50% e em 70% os crimes contra o patrimônio. "Vamos ainda fortalecer as tropas operacionais de polícia, garantir a requalifição dos quartéis e das delegacias, investir em inteligência policial e trabalhar a repressão social. O nosso estado voltará a ter a paz tão sonhada. Podem confiar em mim", afirmou Raquel. Quanto às estradas, a candidata também se comprometeu a resolver o problema, pois envolve a questão da segurança.

Acompanharam também Raquel em Jaboatão o ex-senador Armando Monteiro Neto; o presidente do Cidadania estadual, João Freire; o suplente de senador, Fred Loyo; o deputado federal e candidato a reeleição, Daniel Coelho; Eddgar Oliveira, também candidato a federal; Antônio do Egito, vice-prefeito de Catende; os candidatos a deputado estadual, Coronel Basílio, Lucinha Mota, Patrícia Domingos e Ane Ebrahim; o suplente de vereador de Jaboatão, Gilmar Basílio; o ex-vereador de Jaboatão, Fernando Moreira, bem como as lideranças Aluízio, Carlos, Pereira, Jojó, Gildo Chaveiro e Marcelo Torres. (Fotos: Américo Nunes)